quarta-feira, 26 de junho de 2013

EU QUERO SER UM JOVEM RADICAL!

“Eu quero ser um jovem radical!”. Ouvi essa frase de um jovem de minha igreja a poucos dias atrás. Esse mesmo jovem, dentre outras coisas me falou sobre o seu desejo de ser diferente no meio de uma geração tão homogênea quanto a nossa. De fato, vivemos numa sociedade ultra-homogênea. Todos querem ser diferentes, mas no final das contas, se tornam parecidos como cópias de um mesmo artigo. Os astros da nossa geração agem com descontrole e irresponsabilidade apenas para inspirar singularidade. Eles querem ser diferentes. Mas nesse processo, eles inevitavelmente se assemelham. O desejo de ser diferente está incutido na mente dos mais jovens. Faz parte de nossa natureza. Ouvimos música “underground” e usamos roupas descoladas, porque queremos ser notados. Queremos que as pessoas ao nosso redor reparem o quanto somos diferentes da grande maioria. Felizmente o poder da singularidade e a capacidade de sermos diferentes, não estão nas atitudes exteriores. Só podemos expressar a nossa singularidade, radicalizando o nosso modo de levar a vida. Ser um jovem radical: esse é o melhor caminho que podemos percorrer em dias como os nossos. Radicalizar é romper com os padrões falsos que são aceitos como verdadeiros pela grande maioria. O jovem radical, é aquele que quando questionado na sala de aula sobre qual religião professa, levanta-se e diz perante toda a turma: “Sou crente!”. Jovem radical é o que não “fica” com as meninas, mesmo sob a pena de ser taxado de “emo” ou de gay. Jovem radical é aquele que lê a Bíblia e ora todos os dias; e que se ajoelha diante de Deus não só em momentos de dificuldades. Faça uma analise sincera da sua vida hoje!. Seja sincero e responda as seguintes perguntas: Você realmente tem sido uma pessoa diferente? Ou, você tem se tornado uma espécie de “mais do mesmo”? O homem mais diferente que existiu nesse mundo, foi Jesus Cristo. Esse mesmo Jesus, com 33 anos de idade se tornou o jovem mais radical dentre todos os outros jovens. Ele rompeu com os padrões pecaminosos e enganosos de sua época. Disse não as maiores e tentadoras propostas já feitas a um ser humano. Jesus foi radical porque se entregou totalmente a Deus. Ele tomou a decisão de ser diferente numa sociedade onde todos agiam sob o mesmo padrão. Da mesma forma precisamos vivenciar uma radicalidade como essa de Jesus. Para isso é necessário entender que o primeiro passo a ser dado, é segui-lo. Através do caminhar com o homem Jesus, experimentaremos radicalidade na vida, e só por meio dEle é, que nos tornaremos jovens radicais. Tome hoje a decisão de ser um jovem radical. Siga o Cristo crucificado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Blog · Design por Alves Alvin · Todos os direitos reservados - Copyright © 2014 · Tecnologia do Blogger